<
atl
bos
bkn
cha
chi
cle
dal
den
det
gsw
hou
ind
lac
lal
mem
mia
mil
min
nop
nyk
okc
orl
phi
pho
por
sac
sas
tor
utah
wsh
Postado em 12 abr 2012 às 18:32
Prospecto do Draft 2012 – Thomas Robinson

Conheça o ala-pivô de Kansas, cotado para ser TOP 5 no recrutamento Thomas Robinson Experiência: Junior, 21 anos Universidade: Kansas Posição: Ala-pivô Altura: 2.06m. Médias em 2011-12: 17.7 pontos, 11.8 rebotes, 1.9 assistência, 1.1 roubo de bola, 0.9 toco, 2.7 erro, 51.2% de aproveitamento nos arremessos de quadra e 68.1% de acerto nos lances livres. […]

Compartilhe nosso conteúdo!
Envie por email!
Compartilhe no Google+ Google +
Tweet esse post! Twitter
Compartilhar no Facebook! Facebook
Por Ricardo Stabolito Jr.

Conheça o ala-pivô de Kansas, cotado para ser TOP 5 no recrutamento

Thomas Robinson

Experiência: Junior, 21 anos

Universidade: Kansas

Posição: Ala-pivô

Altura: 2.06m.

Médias em 2011-12: 17.7 pontos, 11.8 rebotes, 1.9 assistência, 1.1 roubo de bola, 0.9 toco, 2.7 erro, 51.2% de aproveitamento nos arremessos de quadra e 68.1% de acerto nos lances livres.

Características: Liderando a desacreditada equipe de Kansas à decisão do Torneio da NCAA, Thomas Robinson é um ala-pivô com condição física e atlética ideais para o jogo profissional. Sua velocidade, agilidade, explosão e envergadura combinadas com uma postura ativa dentro de quadra fizeram com que fosse um dos jogadores mais produtivos do basquete universitário na última temporada. Ele foi o segundo melhor reboteiro do país na média de rebotes por 40 minutos jogados – uma prova de como utiliza bem seu forte corpo para bloquear defensores e braços longos para alcançar a bola antes dos oponentes. Embora não seja um atleta polido ofensivamente, Robinson estabelece bem posição no garrafão e sabe usar sua envergadura e velocidade para finalizar com alta eficiência. Além disso, é capaz de arremessar de média distância e driblar em direção à cesta com eficácia impressionante para alguém de 2.06 metros. Já na defesa, porém, o ala-pivô não costuma aproveitar seus atributos físicos para se sobressair. Apesar de ser um jogador intenso, o jovem não mostra entusiasmo para contestar arremessos e, muitas vezes, “afrouxa” demais a marcação visando pegar um possível rebote que pode vir na sequência. No entanto, na teoria, nada impede que Robinson se torne um bom defensor na NBA.

Comparações: Paul Millsap (Utah Jazz) / Brandon Bass (Boston Celtics)

Projeção: Entre a segunda e sexta escolha geral.

Confira alguns dos melhores momentos de Thomas Robinson:

[youtube_sc url=”http://www.youtube.com/watch?v=DXDYkWPHvcg”]

[youtube_sc url=”http://www.youtube.com/watch?v=pPDHhnNDEBw”]


Legenda

– Junior (Terceiro ano universitário)

  • lucas.heat

    esse cara é o mais pronto pra nba dentre os prováveis top5 do draft, melhorando o seu chute de media distância pode se tornar um jogador completo pra sua posição, muito forte e ágil e ao meu ver pronto pra nba só não podem escolher ele e pensar ke ele vai jogar sozinho, axo que indo pra um detroit pistons e jogar ao lado de greg monroe e brandon knight seria perfeito pra ele e pros pistons, minha opinião.

  • Julio Zago

    Concordo com o Lucas, acho que o Robinson junto com o Davis são as melhores perspectivas para o jogo da NBA, vejo muita condição de desenvolvimente nesses caras, em especial no Robinson, acho ele um cara muito maduro para ingressar na liga e desenvolver seu jogo, em especial em relação a defesa que atualmente é seu ponto menos trabalhado. Liderança e capacidade para pontuar e pegar rebotes já vimos que ele possui, seu arremesso de média distância também é um ponto a favor.
    Para mim seria a primeira escolha.

  • dede

    joga demais mesmo!!!!!!!!!!!!!ir para os bobcats seria uma boa!!!!!!

© Copyright Jumper Brasil 2007-2015 - Todos os direitos reservados