Michael Jordan aparece três vezes no TOP 10

1- Michael Jordan (Chicago Bulls). Jogo 5 contra o Utah Jazz na final da NBA, em 1997. Esse foi o jogo em que Michael Jordan, debilitado por uma gripe, “acabou” com o Utah Jazz. Jordan era dúvida para a partida, já que estava com um vírus estomacal e havia vomitado o dia inteiro. Mesmo gripado, com dores pelo corpo e febril, o camisa 23 do Bulls foi o personagem daquele que entrou para a história como um dos maiores jogos das finais da Liga. Jordan ficou 44 minutos em quadra e marcou 38 pontos, pegou sete rebotes e distribuiu cinco assistências, contribuindo para a vitória do time de Chicago por 90 a 88. Vale dizer ainda que, a 25 segundos do fim do jogo, ele acertou uma bola de três pontos que deu à liderança no placar ao Bulls. Uma atuação para ficar guardada na memória de todos os fãs da NBA.

[youtube_sc url=”http://www.youtube.com/watch?v=YIzrYcgfOH4″]

2- Michael Jordan (Chicago Bulls). Jogo 6 contra o Utah Jazz na final da NBA, em 1998. No jogo que deu o sexto título da história do Bulls, Jordan só não fez chover. Ele marcou 45 pontos e ainda foi responsável pela cesta decisiva a cinco segundos do final. Simplesmente Jordan.

[youtube_sc url=”http://www.youtube.com/watch?v=iwNeMkuwIRQ”]

3- LeBron James (Cleveland Cavaliers). Jogo 5 contra o Detroit Pistons na final da conferência Leste, em 2007. James marcou 29 dos últimos 30 pontos do Cavs na partida. Terminou o jogo com 48 pontos anotados. Ele ainda pegou nove rebotes e distribuiu sete assistências. Na época, LeBron tinha apenas 22 anos…

[youtube_sc url=”http://www.youtube.com/watch?v=MzsAi1a1rog”]

4- Tim Duncan (San Antonio Spurs). Jogo 6 contra o New Jersey Nets na final da NBA, em 2003. Essa foi a melhor atuação da carreira de Duncan. MVP daquela temporada, o pivô do Spurs conseguiu o triple-double na partida que deu o título ao time texano: 21 pontos, 20 rebotes e dez assistências. E ainda deu oito tocos, ficando perto do quadruple-double.

[youtube_sc url=”http://www.youtube.com/watch?v=HRieYTW3zkM”]

5- Shaquille O’Neal (Los Angeles Lakers). Jogo 2 contra o Philadelphia 76ers na final da NBA, em 2001. Shaq quase alcançou um quadruple-double na partida. Foram 28 pontos, 20 rebotes, nove assistências e oito tocos. Precisa falar mais alguma coisa?

[youtube_sc url=”http://www.youtube.com/watch?v=L82_EchHzr4″]

6- Michael Jordan (Chicago Bulls). Jogo 4 contra o Phoenix Suns na final da NBA, em 1993. Jordan marcou 55 pontos. Ele acertou 21 arremessos em 37 tentativas. Nenhum deles da linha dos três pontos. Naquele jogo, o Bulls venceu por 111 a 105, com essa “ajudinha” de Jordan. Todos sabem quem foi o campeão daquele ano…

[youtube_sc url=”http://www.youtube.com/watch?v=0DoSWRX9re4″]

7- Kobe Bryant (Los Angeles Lakers). Jogo 1 contra o Orlando Magic na final da NBA, em 2009. Kobe conseguiu a marca de 40 pontos, oito rebotes e oito assistências. Apenas Jerry West, Michael Jordan e Shaquille O’Neal fizeram 40-8-8 em uma final de NBA.

[youtube_sc url=”http://www.youtube.com/watch?v=f42xjUtR39c”]

8- Dirk Nowitzki (Dallas Mavericks). Jogo 5 contra o Phoenix Suns na final da conferência Oeste, em 2006. A série estava empatada em dois a dois e, no quinto jogo, o alemão resolveu dar as cartas. Marcou 50 pontos (22 deles no último quarto), pegou 12 rebotes e ajudou o Mavs a despachar o time de Phoenix. Maior atuação da carreira de Nowitzki.

[youtube_sc url=”http://www.youtube.com/watch?v=uGDNbQY_li8″]

9- Shaquille O’Neal (Los Angeles Lakers). Jogo 1 contra o Indiana Pacers na final da NBA, em 2000. Shaq conseguiu a incrível marca de 43 pontos e 19 rebotes naquela partida. O detalhe é que, na série contra o Pacers, suas médias foram de 38.0 pontos e 16.7 rebotes. Espetacular o MVP da temporada regular e das finais.

[youtube_sc url=”http://www.youtube.com/watch?v=3kM2OdZPVaw”]

10- Dwyane Wade (Miami Heat). Jogo 3 contra o Dallas Mavericks na final da NBA, em 2006. O time da Florida perdia por uma diferença de 13 pontos na metade do quarto período. O Mavs já havia vencido os dois primeiros jogos da decisão. Nos seis minutos finais do jogo 3, Wade marcou 12 pontos e ajudou o Heat a virar o placar. Ele terminou a partida com 43 pontos e 12 rebotes. O time de Miami venceu os três jogos seguintes e foi o campeão daquele ano…

[youtube_sc url=”http://www.youtube.com/watch?v=-I0McpRwPg4″]

Quer assistir a um jogo da NBA? Então aproveite o cupom de descontos do Jumper Brasil no Super Ingressos.