A próxima temporada marca o último ano do contrato de novato do armador Brandon Jennings. Caso não acerte uma extensão até o dia 31 de outubro, o titular do Milwaukee Bucks terá que disputar a campanha 2012-13 sob a pressão de provar que merece estar nos planos futuros da franquia. Obviamente, ele gostaria de definir sua situação contratual antes de entrar em quadra.

“Seria algo que adoraria acertar a extensão mais rápido possível, mas não tenho que me preocupar com isso. Meu principal objetivo é apenas chegar à pré-temporada como um jogador melhor, um líder melhor, e comandar o time até os playoffs”, despistou o 10º selecionado no draft de 2009.

Jennings não é o único que pode iniciar a próxima temporada sob o risco de sair da equipe em 2013. O treinador Scott Skiles e o gerente-geral John Hammond também estão no fim de seus contratos e trabalham pela manutenção nos cargos. Por isso, o armador reconhece que não será o único a conviver com a necessidade de vitórias.

“Para ser honesto, eu acho que todos estão sentindo a pressão. Todos precisam vencer nesta temporada – não só a comissão técnica ou a direção. Sabemos que esse pode ser nosso último ano aqui, então é preciso mudar as coisas agora”, explicou o atleta, que não consegue vaga nos playoffs desde 2010.

Embora admita que times como Brooklyn Nets e Philadelphia 76ers tenham melhorado muito com as recentes contratações feitas, Jennings crê que o Bucks tem todas as condições de voltar aos playoffs em 2013. “Com a equipe e potencial que temos, nós podemos estar entre os seis melhores do Leste”, previu.

Quer assistir a um jogo da NBA? Então aproveite o cupom de descontos do Jumper Brasil no Super Ingressos.