Blake Grifin afirmou em entrevista ao repórter Broderick Turner, do jornal Los Angeles Times, que está praticamente recuperado da lesão no joelho esquerdo que foi responsável pelo seu corte da seleção norte-americana de basquete que disputou as Olimpíadas de Londres:

“Após a cirurgia eu comecei a reabilitação, e venho praticando arremessos e levantando pesos por todo esse tempo, então eu estou quase 100% para voltar a jogar, eu estou bem.”

Griffin também comentou sobre os novos companheiros que vieram para o Los Angeles Clippers nessa pré-temporada: Lamar Odom, Jamal Crawford, Grant Hill, Willie Green, Ronny Turiaf e Ryan Hollins, além da volta de Chauncey Billups.

“Claro que, para ser honesto, todos sabiam da fama que o Clippers adquiriu ao longo dos anos. Eu acho que isso mostra muito acerca de onde estamos e até onde podemos chegar, eles quiseram vir jogar aqui. Por exemplo, o Grant Hill, que já está no fim da carreira e nos escolheu. Acho que iremos disputar o título do Oeste e da NBA.”

Na última temporada, o Clippers fez história ao avançar para o segundo round dos playoffs após ter a melhor porcentagem de vitórias da história da franquia.

Por fim, ele também falou sobre o Los Angeles Lakers, que se reforçou com os All-Stars Steve Nash e Dwight Howard para a próxima temporada:

“É muito bom para eles, mas assim como as pessoas diziam quando adquirimos Chris Paul, eles ainda terão que jogar – assim como nós. É uma grande aquisição para eles que os torna ainda melhores, mas eu acho que nós também estamos.”

Quer assistir a um jogo da NBA? Então aproveite o cupom de descontos do Jumper Brasil no Super Ingressos.