Por Eduardo Ferreira

Conhecido por uma enorme diversidade cultural e famoso pela cultura de rua, o  famoso “bairro” de New York agora pode comemorar porque estão definitivamente na cena para que o mundo inteiro os veja. A partir do dia 1º de novembro deste ano, aproximadamente 18.000 pessoas vão lotar quase todas as noites o novo e badalado Barclays Center para ver a mais nova equipe da NBA, o Brooklyn Nets. A estreia da nova casa é nada mais nada menos do que um confronto que pode virar clássico na Liga:Brooklyn Nets x New York Knicks, a batalha de NY.

Após passar grande parte do verão americano envolvido nos boatos de troca em torno de Dwight Howard, o Brooklyn Nets desiste, Howard vai finalmente para o Los Angeles Lakers, Brook Lopez tem seu contrato estendido e como quem não quer nada (e cheio de verdinhas para gastar) o Nets vai às compras.

Um contrato gordo para Deron Williams que o fez mudar de idéia, quando estava cedendo as tentações de voltar para o Texas onde cresceu e jogar no tradicional Dallas Mavericks, a aquisição do All Star Joe Johnson via troca e as renovações para o versátil ala Gerald Wallace e do outro homem de garrafão Kris Humphries dão ao Nets um ótimo time titular.

Com este quinteto inicial com dois astros e outros três ótimos jogadores, não faltou gente querendo vir para o “tradicional novo time” da NBA e completar este elenco. O ótimo reserva para a posição um em C.J Watson, Reggie Evans para fazer o trabalho sujo no garrafão, o veterano Jerry Stackhouse nas alas, além de Marshon Brooks que permanece na equipe e o novato Tyshaun Taylor que chega para completar o elenco.

Em entrevista, Lopez e o astro recém-chegado Johson, afirmam confiantes que vão em busca do título e nada menos do que isso. Agora resta sabermos se o Brooklyn vem com essa força toda para passar por cima das novas “super potências” que estão se formando na NBA. 

Quer assistir a um jogo da NBA? Então aproveite o cupom de descontos do Jumper Brasil no Super Ingressos.