Agora é oficial: o pivô Vitor Faverani é o mais um brasileiro na NBA. O Boston Celtics anunciou na tarde desta segunda-feira a assinatura de contrato com o ex-jogador do Valencia Basket, da Espanha. Os termos do negócio não foram revelados, mas a imprensa norte-americana noticia que o vínculo tem duração de três anos e renderá US$6 milhões ao atleta de 25 anos.

O vice-presidente do Valencia, Paco Raga, confirmou na última quinta-feira ao site Encestando que o próprio Faverani pagaria a multa rescisória estipulada em seu contrato para poder jogar no Celtics no segundo semestre. Especula-se que a liberação tenha custado cerca de €700 mil (US$922 mil ou R$2 milhões) aos bolsos do jogador.

“Nós não estamos contentes porque não queríamos vendê-lo. Agora, temos que nos mexer e tentar fazer nosso elenco melhor do que o do ano passado. O dinheiro da cláusula deve nos ajudar nisso”, contou Raga, que já acertou a contratação de Juanjo Triguero (Sevilla) para substituir o pivô.

Na disputa por minutos no Celtics, o brasileiro vai enfrentar um elenco cheio de opções para o garrafão. Ele terá que disputar a preferência do treinador Brad Stevens com atletas como Kris Humphries, Brandon Bass, Jared Sullinger, Kelly Olynyk e o também brasileiro Fab Melo.

Nascido em Porto Alegre, Faverani esteve presente em 23 jogos do Valencia na última edição da Liga ACB, o campeonato espanhol. Em 17.0 minutos de ação por partida, ele teve médias de 9.3 pontos, 4.6 rebotes e 55% de aproveitamento nos arremessos de quadra. Antes do acordo com o Celtics, o pivô chegou a ser entrevistado pelo San Antonio Spurs, New York Knicks e Washington Wizards.

Quer assistir a um jogo da NBA? Então aproveite o cupom de descontos do Jumper Brasil no Super Ingressos.